sexta-feira, 24 de setembro de 2010

E-mail desagradável


Pessoal, ontem recebi o seguinte e-mail:

BOMBA:

MOVIMENTO NÃO VOTE EM DILMA!!!



SÓ PRA VC COMO CRENTE OU CATOLICO FICAR COM A CONSCIÊNCIA TRANQUILA....

A DILMA APROVARÁ A LEI DO ABORTO E DO CASAMENTO GAY JÁ DECLARADO POR ELA MESMA.

E O MAIS INTERESSANTE QUE EU NÃO SABIA E NÃO HAVIA REPARADO...

VCS SABEM O NOME DO VICE DA DILMA?

MICHEL TEMER!

ISSO TE LEMBRA ALGO?

É ELE MESMO O PAI DE DANIEL MASTRAL O GRANDE CABEÇA DOS SATANISTAS...

INFORMAÇÕES DIVULGARAM QUE A PRESIDENTE SERÁ ELEITA, NÃO TEM JEITO,

PORÉM VC COM CONHECIMENTO E SABEDORIA, FILHO DE DEUS, NÃO VOTE NELA,

OS SATANISTAS JÁ PREPEARAM TUDO...

A PRESIDENTE POSSUI UM CÂNCER ADORMECIDO E DENTRO DO ANO DO SEU LEGADO,

O DIABO A FERIRÁ E ELA FICARÁ TERRIVELMENTE DOENTE, TALVEZ, VINDO ATÉ A FALECER

E QUEM ASSUMIRÁ O PODER?

O VICE MICHEL TEMER.... FIQUE LIGADO!

A INTENSÃO DO DIABO É DOMINAR TODO TERRITÓRIO BRASILEIRO LIBERANDO POTESTADES E PRINCIPADOS NO AR,TERRA E MAR.

É HORA DE NOS LEVANTARMOS COMO FILHOS DE DEUS.

CUIDADO COM O SEU VOTO, NÃO O JOGUE NAS MÃOS DE UM INSTRUMENTO DO NOSSO ADVERSARIO.

 
Por favor!!! Votem em quem quiserem, façam campanha, falem mal, mas não venham com esta conversa ultra fanática para cima de mim.
 
Sinceramente, depois desta, eu, que não votaria na Dilma, até estou pensando em votar nela. Se os seus opositores são fanáticos e ignorantes a ponto de enviar e-mails deste tipo, é porque ela não deve ser tão ruim assim...
 
Votar em um ou outro candidato e fazer uma boa escolha é sinônimo de esclarecimento, de inteligência. Quem utiliza este tipo de argumentos obtém o resultado inverso.
 
Lembro que quando o Obama candidatou-se, correu na Internet uma interpretação de uma profecia do Nostradamus que afirmava ser o Obama o anticristo. A profecia dizia que quando um negro assumisse o comando da maior potência do mundo, este negro seria o tal coisa ruim.
 
Nem por isso o Obama perdeu.
 
Não sei se ele é ou não é o tal, mas sei que este tipo de história não agrada e muito menos convence pessoas inteligentes e psicologicamente sãs.
 
Acredito em Deus, sim. Mas não suporto qualquer tipo de radicalismo ou fanatismo.
 
A resposta que dei a esta pessoa (que não conheço) que enviou-me este e-mail foi: se for para encher a minha caixa postal com este tipo de absurdo, por favor remova o meu endereço da sua lista.
 
Para terminar: votem conscientemente, com responsabilidade, baseados nos fatos reais, na história do candidato.
 
Eu até poderia dizer: não votem na Dilma, mas, depois desta, fico com medo de me acharem fanática!!!

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Que mulher mais desavergonhada!!! Dois maridos!!! Oh, que horror!!! (huaehuaehuae........)


Engraçado... nunca tinha visto a coisa assim... quando procurei no Google imagens sobre poliandria, a primeira que me apareceu foi esta, da Branca de Neve.

Nós crescemos com estas histórias e nem sempre nos damos conta do conteúdo moral delas...

Todos conhecem a história... a Branca de Neve é socorrida pelos anões e contrai um casamento poliândrico com eles... mas, claro, o mais correto, aceitável, sociável é o casamento monogâmico, portanto, o príncipe vem e faz da coitada da sem-vergonha da Branca de Neve uma mulher respeitada.

Mas o que me motivou a pesquisa foi uma reportagem enorme que estava no Diário de Moçambique de ontem. Ocupava as duas páginas centrais. Sinceramente - e desculpem-me os meus grandes amigos jornalistas do Diário - penso que há assunto mais importante do que aquela notícia... pareceu mais fofoca do que notícia...

Acontece que aqui perto da Beira, numa vila (ou cidade, mas é mais vila, pelo tamanho) chamada Caia, há uma mulher que é casada com dois homens e este fato está arrepiando os cabelos de todo mundo.

Sim, estas coisas geram curiosidade, perplexidade... mas lendo o conteúdo da reportagem, a interpretação é muito diferente.

A mulher tem 58 anos e batalha todos os dias o sustento. Vende produtos no mercado local. O seu primeiro marido ficou cego, portanto, numa sociedade em que a comida no prato todos os dias é uma luta medonha, este marido já não desempenhava as suas funções como deveria ser. Entenda-se aqui que estou falando da função de sustento da família, de provedor, que ao homem, em uma sociedade patriarcal, é inerente. A nossa heroína, portanto, achou por bem casar-se com outro para prover esta "lacuna" no seu casamento. 

Segundo a reportagem, ambos maridos dão-se perfeitamente bem e têm um entendimento acertado. Ela visita cada um seguindo um calendário pré-estabelecido e cumpre as suas funções de esposa (sim, agora estou falando das funções que a sociedade patriarcal impõe à esposa). 

Outro fato da reportagem: parece que a mulher é estéril, portanto, muito antes de contrair o segundo casamento, convenceu a sobrinha a tornar-se segunda esposa do marido (o primeiro), união que frutificou em 5 filhos. Portanto, o primeiro marido já possuía uma segunda esposa...

Mais: o segundo marido também tem uma segunda esposa, que visita regularmente.

Para um expectador de fora, isso poderia parecer uma grande suruba!!! Mas vamos prosseguir...

Em Moçambique, a poligamia é socialmente aceita. Por um lado pelo grande número de muçulmanos, por outro, porque as culturas tribais mais antigas também já aceitavam. Claro que a poligamia deriva do advento da sociedade patriarcal, onde ao homem é permitido ter tantas esposas quantas possa sustentar. Porque o homem DEVE sustentar a família.

Hoje em dia, o status de provedor único já não é mais masculino. As mulheres trabalham tanto quanto eles e, às vezes, até mais. Mas, infelizmente, os preconceitos machistas ainda prevalecem. Mesmo em uma sociedade um pouco mais atrasada na evolução social, as mulheres saem todos os dias de casa para providenciar o sustento dos filhos e, em muitos casos, dos maridos também.

Fiquei, sinceramente, chocada quando vi na reportagem que as autoridades (sim, as autoridades têm de lidar com este tipo de assunto por aqui) dizem-se "preocupadas" com a situação da poliandra de Caia, porque não é uma situação NORMAL. O próprio primeiro marido diz temer que a sua segunda esposa siga os passos da primeira... (ora, se ele pode, por que não ela???).

Ora!!! Analisemos, então, o caso..................

A mulher tem de se sustentar... o marido já não serve mais para o sustento, pelo contrário, está cego e agora quem tem de sustentá-lo é ela!!! A única obrigação de esposa que ela não cumpriu, dar-lhe os filhos, foi cumprida indiretamente pela sobrinha... 

Mais: ela afirma que nunca pensou em separar-se do primeiro marido, pois sabe que ele é cego e precisa dela...

Será que estamos mesmo diante de um caso clássico de poliandria??? Penso que não...

Por um lado, a compaixão dela pelo marido que agora está incapacitado... por outro, a necessidade de ajuda no sustento. Ela diz que ama os dois. E eu acredito. Existem muitos tipos de amor.

Agora, dizer que é uma situação preocupante??? Acho que não. Em uma sociedade em que a sobrevivência é tão difícil, é mais um caso de adaptação. Evolução, lei do mais forte. 

Darwin concordaria comigo....

Deixo para vocês as interpretações....

Quem quiser saber mais sobre poliandria, acesse a Wikipedia.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Sempre adolescente!!!

Sempre gostei de música velha... pelo menos muito mais velha do que eu...

Mas, no meu tempo (huahuahua!!! nunca pensei usar esta expressão!!!), esta música, apesar de "velha", tocava muito nas danceterias (discoteca para os portugueses, boate para os brasileiros) que eu frequentava.

Eu delirava! Até comprei o disco (vinil, sim, ainda sou desta época) para uma das "discos" porque eles não tinham a versão ao vivo.

É TALKING HEADS, numa performance ma-ra-vi-lho-sa do David Byrne! Esta é a música do filme "Stop Making Sense". Simplesmente de-ma-is!!!

Agora, para os brasileiros... o TALKING HEADS não lembra um pouquinho os TITÃS???

Curtam!!! PSYCHO KILLER!!!

video

I can’t seem to face up to the facts.
I’m tense and nervous and I... can’t relax.
I can’t sleep, cause my bed’s on fire.
Don’t touch me I’m a real live wire.

Psycho Killer
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run run away
OH OH OH

Psycho Killer
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run run away
OH OH OH 
AY AY AY AY AY WOO

You start a conversation you can't even finish it.
You're talking a lot, but you're not saying anything.
When I have nothing to say, my lips are sealed.
Say something once, why say it again?

Psycho Killer,
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run away
OH OH OH

Psycho Killer
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run away
OH OH OH OH
AY AY AY AY 

Ce que j'ai fait, ce soir-là [What I did that night]
Ce qu'elle a dit, ce soir-là [What she said that night]
Réalisant mon espoir [Making my hope come true]
Je me lance vers la gloire ... okay [I hurl myself toward glory]
YA YA YA YA YA YA YA YA YA YA YA 
We are vain and we are blind
I hate people when they're not polite

Psycho Killer,
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run away
OH OH OH

Psycho Killer,
Qu'est-ce que c'est? [What is it?]
fa fa fa fa fa fa fa fa fa fa better
Run run run run run run run away
OH OH OH OH
AY AY AY AY OOOH

Hey hey hey ha